Social Icons

loading...

sábado, 17 de setembro de 2016

10 funções corporais que continuam acontecendo após a morte!

 
Mesmo após a morte, algumas funções corporais continuam acontecendo no cadáver, podendo se estender por semanas. Veja agora 10 funções que um corpo continua realizando mesmo estando morto:

10 – Crescimento de unhas e cabelos 

Esta é uma função técnica, não uma função real. O corpo não produz mais cabelo e unhas, mas eles continuam crescendo alguns dias após a morte. O que realmente acontece é que a pele perde a umidade e diminui seu comprimento, expondo mais cabelo e fazendo as unhas parecerem maiores.

9 – Atividade cerebral 

Um dos efeitos colaterais da tecnologia moderna é uma indefinição do tempo entre a vida e a morte. O cérebro pode parar de funcionar por completo com o coração ainda batendo. Se o coração para por um minuto, não há respiração, e a morte virá de qualquer forma, e a maioria dos médicos classifica um paciente como morto enquanto seu cérebro ainda está, tecnicamente, vivo por minutos.

As células do cérebro gastam os minutos finais da vida lutando para que o oxigênio e os nutrientes necessários mantenham o corpo vivo. Esses minutos antes da morte total podem durar mais que o esperado – com os medicamentos certos e circunstâncias corretas – passando de minutos para dias. Idealmente, isso daria aos médicos a chance de salvar um paciente, mas não é garantido.

8 – Células de pele

Embora a perda de circulação sanguínea possa matar o cérebro em poucos minutos, outras células não necessitam de cuidados constantes. As células da pele, por exemplo, vivem nas partes externas do corpo e capturam tudo por osmose, podendo permanecer vivas por dias.

7 – Produção de urina

Urinar não é uma função voluntária. Nós nunca temos que pensar sobre isso, porque uma determinada parte do cérebro está sempre no comando de tal vontade. Essa é a mesma parte que está envolvida na regulação da respiração de uma pessoa e seus batimentos cardíacos. A parte do cérebro que mantém o esfíncter urinário fechado é inibida. Embora a morte enrijeça os músculos, o efeito só é notado horas depois do falecimento. Logo após a morte, os músculos relaxam, tornando os cadáveres aptos a urinar.

6 – Eliminação de fezes

O corpo elimina resíduos, e, nesse momento, relaxa certos músculos para que o processo de eliminação das fezes seja facilitado. No caso dos cadáveres, o processo é auxiliado pelo gás que é produzido dentro do corpo. Isso pode acontecer horas após a morte.
5 – Digestão

Ao morrer, o corpo não apenas expele material orgânico, como também produz mais. As bactérias dentro do intestino não morrem junto com o corpo. Embora muitas delas sejam parasitas, algumas são de grande ajuda para a digestão e fazem parte do trabalho por nós. Elas continuam com suas funções após a morte do corpo. Outras se alimentam do revestimento do intestino, ajudando na eliminação de materiais e gases.

4 – Ereções e ejaculação

Quando o coração interrompe o fluxo sanguíneo, a quantidade do líquido é menor em algumas áreas. Às vezes as pessoas morrem em pé ou de bruços. Isso influenciaria no acúmulo nas partes íntimas nos homens, causando uma ereção. Certos tipos de células musculares são ativados por íons de cálcio, e, assim, as células gastam energia colocando os íons para fora da célula.

Depois da morte, as membranas tornam-se mais permeáveis ​​ao cálcio e as células não gastam mais energia para empurrar os íons para fora, de modo que os músculos se contraiam. Isso pode levar à ejaculação.

3 – Movimento muscular

Embora o cérebro possa morrer, outras áreas do sistema nervoso podem ainda estar ativas. O cadáver pode ainda ter reflexos, pois os nervos enviam sinais para a medula espinhal e não para o cérebro, causando contrações e espasmos. Existem inclusive, relatos de suaves movimentos do tórax após a morte.

2 – Vocalização

Nossos corpos armazenam gases e coisas viscosas sustentados por ossos. A decomposição acontece quando bactérias trabalham, aumentando a proporção do gás que se acumula. Ele precisa sair, e isso acontece de várias maneiras. Uma dessas formas é através da traqueia.

A morte endurece todos os músculos, incluindo os das cordas vocais. Essa combinação leva a alguns sons muito misteriosos provenientes de cadáveres. As pessoas ouvem, frequentemente, gemidos e gritos de cadáveres – e muitas já se assustaram com isso.

1 – Dar à luz

Muitas mulheres morreram durante a gravidez, e, em épocas muito frias para a realização de um enterro, o corpo ficava alojado em casa. Os gases que se acumulam dentro de um corpo, combinados com o amolecimento da carne, poderiam induzir o organismo a expelir o feto. Esses eventos eram raros, mas foram documentados. Eles causaram diversos boatos, mas na maioria das vezes, incluía a falta de um embalsamamento adequado e enterro tardio.

Via JC / BUD

Nenhum comentário :

Postar um comentário

...



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Agregadores

Agregador de Links - Madruga Links
Piadas Idiotas - São idiotas mas o faz rir
Seus links em um só lugar!
Betolinks 120x60
oBizuradoAglomerando